Como se prevenir dos percevejos de cama?

Percevejos de cama não transmitem doenças, mas causam incômodos 

Percevejos de cama | Dedetização no RJ

Sabemos que nossos minúsculos amigos percevejos de cama são ruins para saúde, uma vez que sugam nosso sangue e ainda podem provocar diversas alergias, no local da picada. Assim, sabemos que esses pequenos devem ser eliminados e evitados ao máximo.

Mas, surge a questão: como iremos eliminar essas pragas, que nem podemos ver direito? Para solucionar sua dúvida, fizemos este artigo completo. A seguir, mostraremos duas possíveis situações que você pode cair e te daremos algumas soluções para se prevenir dos percevejos de cama.

Primeira situação: percevejos de cama em casa

A nossa primeira situação é se estivermos em casa e aparecer alguns percevejos de cama. O primeiro ponto é: ver qual é a suposta quantidade de percevejos. Podemos analisar isso pela quantidade de resquícios de sangue que temos na cama.

Porém, independente de ter pouca ou muita quantidade de percevejos de cama o ideal é acabar com eles o quanto antes! Por isso, você deve ter a ajuda de uma empresa especializada. E essa é a dedetizadora no Rio de Janeiro.

É importante um diagnóstico inicial para descobrir os lugares de abrigo dos insetos: roupas-de-cama, almofadas, estofados e afins. Pegue todos os possíveis focos e lave normalmente. Depois da lavagem, você deverá esquentar as roupas em alta temperatura.

Deixe de molho em água quente por alguns minutos, para eliminar todos os possíveis percevejos de cama. Depois, pegue as roupas esterilizadas e as coloque em sacos plásticos, pois isso evitará futuras aparições dessas pragas.

Cuidados com a casa para evitar percevejos de cama

Além do cuidado com as roupas você deve ter precaução com a casa. Assim, o primeiro passo que você pode tomar é descartar roupas velhas, colchas não utilizadas, toalhas velhas e afins.

Em seguida faremos uma faxina minuciosa. Então aspiraremos as fechaduras e qualquer fenda, além de ter cuidado com tapetes e móveis adjacentes ao local infectado. Depois pegaremos o saco de pó e descartaremos do seguinte modo: colocaremos o saco dentro de uma sacola plástica e vedaremos bem e depois basta descartar normalmente.

Segunda situação: fora de casa

Quem não gosta de viajar? Viajar é ótimo, mas cuidado com os percevejos de cama. É necessário fazer uma avaliação completa do quarto antes de colocar as malas. Isso porque os animais podem ficar dentro delas. Dessa forma podem infestar a sua casa.

Comece analisando a cabeceira e a cama. Observe se tem algum ponto aparente. Porém, se você estiver com receio do local, não use o guarda-roupa, desse modo você deixará suas roupas na mala. O piso também pode ser outro foco de percevejos de cama.

Ao final da viagem, inspecione a mala e tente enxergar se há algum inseto que se pareça com o percevejo de cama. Ao chegar em casa, você pegará todas suas roupas que estavam na mala e, coloque-as para lavar, de preferência repetindo o processo de lavagem citado acima. Depois coloque a mala em um saco plástico a vácuo, de preferência.

Lutar contra os percevejos de cama não é uma tarefa fácil.